sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Homenagem ao senhor Francis Servel

Eu quero aqui prestar minha homenagem ao senhor Francis Servel, ex-piloto da Força Aérea francesa. O sr. Servel sacrificou-se para salvar a vida de sua amada esposa Nicole, no naufrágio do Costa Concordia.

Não havia coletes salva-vidas para todos; o sr. Servel entregou seu colete para a esposa e disse "Vá, minha querida, nade sempre em frente. Eu vou dar um jeito de sair". Essa foi a última vez que a sra. Servel viu seu bravo esposo.

A coragem do sr. Servel foi a exceção em meio a covardia e maldade que se apossou dos demais homens do navio, era esperada da geração a qual ele pertence e dificilmente será encontrada em meio a esta geração seguinte que cresceu desacreditando nos valores que fundamentam a vida humana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quando o cliente não gosta do seu trabalho

Já diz o ditado, “nem Jesus Cristo agradou a todos”.  Nem sempre conseguimos agradar o cliente. Na Impactamídia , em algumas ocasiões (raras...